Peelings

O Peeling é um tratamento indicado para você que deseja melhorar da vitalidade da sua pele. Podemos tratar manchas, remover cicatrizes superficiais e reduzir sulcos finos causados pelo envelhecimento.

A médica aplicará produtos químicos em sua pele, os quais provocam sua descamação e renovação, tornando-a mais viçosa e regular. Você ficará avermelhada no início, com a pele levemente inchada. A sua pele começa a descamar em 2 a 3 dias e em uma semana o processo já se completou. Você não deverá puxar as casquinhas ou pelinhas que se formam, pois isto interfere na sua cicatrização.

O tratamento pode ser superficial, médio ou profundo, dependendo do resultado que você deseja e da indicação médica. Podem ser realizados em uma única sessão ou sequenciais, e com um agente ou a combinação de vários. É a sua pele que diz qual tratamento utilizar.

Os peelings podem ser superficiais quando o ácido agride apenas a camada superficial da pele (epiderme). São indicados para você que quer diminuir manchas, sardas ou rejuvenescer melhorando o aspecto da pele.

Os peelings médios têm maior penetração na pele. São realizados caso você deseje corrigir marcas de acne, cicatrizes ou rugas superficiais.

Você pode se submeter a um peeling profundo caso necessite corrigir marcas mais profundas na pele. Para este procedimento o cirurgião utiliza produtos que destroem a camada superficial da pele, provocando regeneração e correção da pele. Pode ser físico quando realizado com uma lixa de diamantes (dermoabrasão) ou com uso de substâncias químicas. Neste caso a sua recuperação é um pouco mais demorada.

# Pacientes com história de herpes devem informar à médica, para que medidas preventivas possam ser tomadas.

Agende agora a sua consulta para que a Dra Gnana possa te orientar pessoalmente.

IMPORTANTE
APESAR DE VOCÊ MERECER E DO PROFISSIONAL SE ESMERAR, A CIRURGIA PLÁSTICA NÃO PROMETE RESULTADOS – OBJETIVA A MELHORIA DO PROBLEMA APRESENTADO. SUAS EXPECTATIVAS PODEM SER MAIORES QUE O RESULTADO CONSEGUIDO.

Veja os procedimentos no site SBCP

Voltar ao topo